Problemas

01:35


Me encontro sozinho, sobre minha cama, há tanta coisa atormentar minha mente, enquanto ouço musicas que me rasgam a alma, e aqui embaixo de meu edredom, me protejo do frio que me cerca e agora faz parte de mim. 
Imóvel, as sinto de meus olhos gotejarem e umedecerem o travesseiro, deslizando sem que eu as possa controlar.
Já a fome me implora algo para saciá-la, mas por causa de minha fraqueza emocional, me nego a levantar.
São tantas incertezas e planos, que não dependem de mim, nem de você, mas de terceiros, que estou exausto, e prefiro me redimir lentamente ao sono, vindo a desmaiar de cansaço, apois, a última lágrima derramar...

Vá embora não, tome mais uma dose

1 comentários