São só ondas...

23:00




    Certo dia, um garoto todo entusiasmado com cada detalhe da visão do mar, começou a desengasgar todas suas preocupações para as ondas que ali se agitavam cada vez mais. Um moço conhecido por Morgan. Que ali perto morava, homem muito observador, ficou curioso em saber o que se passava com o garoto. Resolveu então parar para tentar escutar o que o pobrezinho dizia.
   - Mar! Tu que se altera com cada nova onda, me responde. Como tu podes se perder com tanta fúria, a cada onda perdida que desabam uma após a outra? 
   -Queria eu, poder ser forte e carregar comigo tudo que já me passou. Poder a cada embalo de uma nova onda na minha vida, me reconstruir e lançar uma visão de tamanha audácia sobre cada lugar afetado a mim. Ah... Como queria.
    Morgan, depois de ouvir o que o menino tinha dito, fitou lhe os olhos e disse: Não se perturbes com o tamanho das ondas com as quais você passou. Mas sim, com o tamanho de tudo que já conseguiste até então aguentar. Veja que a cada nova onda é para constatar que nada muda, ou para. Não importa o que aconteça, para cada coisa na vida, fica comprovado que tudo ocorre para encontramos nosso verdadeiro eu. Faz ficar vivo o que já não fazia nenhum milésimo sentido de viver.

Vá embora não, tome mais uma dose

0 comentários